OK 
     
ApresentaçãoEstudosBibliografiaEstatísticas e Bases de DadosIndicadoresPublicaçõesNotícias e EntrevistasNewslettersLigações
Home >  Indicadores >  Glossário de Indicadores  >  Rendimento e Pobreza  > 
Indicadores


Pobreza

INE: Limiar do rendimento abaixo do qual se considera que uma família se encontra em risco de pobreza. Este valor foi convencionado pela Comissão Europeia como sendo o correspondente a 60% da mediana do rendimento por adulto equivalente de cada país.

Link para glossário do INE

Banco Mundial: limiar de pobreza é a disposição individual de 1,25 dólares para gastos em bens e serviços, por dia. Como o valor relativo das diferentes moedas face ao dólar é variável, o BM utiliza taxas de câmbio para converter o valor de uma moeda face a outra (ao dólar), as quais permitem manter a equivalência do poder de compra das populações.

Link para glossário do Banco Mundial

EUROSTAT: (baseado na decisão do Conselho Europeu) Pobres são os indivíduos, famílias e grupos de pessoas cujos recursos (materiais, culturais e sociais) são tão limitados que os excluem do nível de vida mínimo aceitável do Estado Membro a que pertencem.

Link para glossário do EUROSTAT

INSEE: Um indivíduo ou família é considerado pobre quando o seu nível de vida é inferior ao limiar de pobreza. O INSEE mede a pobreza monetária de forma relativa, uma vez que o limiar de pobreza é determinado em função da distribuição dos níveis de vida do conjunto da população. Em França, embora se utilize os 60% da mediana do nível de vida (tal como no EUROSTAT e outros países europeus), o limite de 50% é amplamente utilizado, tendo sido o limite de referência até há pouco tempo.

Link para glossário do INSEE

Indicadores associados:

Limiar de Pobreza:

OCDE: Rendimento que é considerado minimamente suficiente para sustentar uma família em termos de alimentação, habitação, vestuário, cuidados de saúde, etc.

Link para glossário da OCDE 

Poverty Gap Index:

OCDE: Distância média abaixo da linha de pobreza, onde a média é relativa a toda a população, considerando os "não-pobres" como tendo intensidade de pobreza nula. Ou seja, distância média abaixo da linha de pobreza, expressa em percentagem dessa linha.

Link para glossário da OCDE 

Pobreza Consistente: 

Observatório do QCA III: Percentagem de famílias que acumulam um rendimento monetário equivalente inferior à linha de pobreza monetária e um nível de privação superior ao limiar de provação, correspondente a 150% do índice agregado de privação, isto é, da medida de não-acesso a bens e serviços básicos.

INE (Inquérito às Condições de Vida e Rendimento): Associa o risco de pobreza calculado com base na distribuição do rendimento disponível por adulto equivalente e, neste caso, o indicador de privação definido no quadro do EU-SILC, visando obter a proporção de indivíduos que se encontram em risco de pobreza e em situação de privação material. De acordo com a estrutura metodológica do Inquérito às Condições de Vida e Rendimento, o indicador anual de pobreza consistente compara os indivíduos que referem a existência de privação material no momento da entrevista, normalmente Maio a Junho de cada ano, com os indivíduos em risco de pobreza no ano anterior (ou seja, com o ano de referência dos rendimentos recolhidos). 

Link para glossário do INE

  Glossário de Indicadores